domingo, 15 de novembro de 2015

Dilma Roussef herdeira de um povo triste




Vendo essa imensidão de povo tomando conta da carcaça do Palácio do Planalto, pedindo a saída da presidente Dilma, e não vendo qualquer esboço de reação ou inconformação da parte dela em relação a essa realidade, dá para se imaginar o tamanho de sua insensatez, a deformação do seu caráter, e constatar que esse é o verdadeiro governo do poder pelo poder.

Qualquer pessoa dotada de bom senso e com o mínimo de dignidade, não permaneceria à frente de um povo que já não a escuta, que já não a respeita e impõe-lhe o desprezo como letalidade.

De nada vale ser chefe de uma nação que já tem mais orgulho de sua bandeira, do seu hino, de uma gente que não tem mais motivos para sorrir, desde que viu evadir-se a ordem, pelos esgotos e o progresso estagnar como velho cansado, à espreita do fim.

Presidente Dilma, a senhora não nos representa, não nos dignifica, não nos honra, nem nos protege. Portanto, pelo bem e a felicidade geral da Nação, diga ao povo que sai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.