sexta-feira, 20 de março de 2015

Quem não é achacador?


Foi preciso que Pedro Álvares Cabral viesse ao Brasil para descobrir que aqui tinha índio, e foi preciso que Cid Gomes fosse à Câmara Federal para que os brasileiros passassem a contrapor-se à postura imoral de alguns políticos.

O repúdio aos políticos não deveria ser de Cid somente, já que ele também é político, mas sim da própria sociedade que vota mal,e que assiste e engole as angústias com medo de combater os agressores do seu direito e achacadores do seu patrimônio.

Não se faz política sem achacar. Todo político é achacador quando engana alguém prometendo a essa pessoa grandes vantagens a fim de conquistar seu voto. Os eleitores são achacadores quando extorquem dinheiro dos políticos ou cargos em troca do voto.

O achaque é tão comum no meio político quando o xarope o é para os gripados. Dai, dentro de uma próxima reforma ortográfica, caberia trocar essa palavra achacador, por um nome menor e até mais comum, tipo "sujo".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.