sexta-feira, 13 de novembro de 2015

"Inaceitável", afirma governador sobre chacina na Grande Messejana




O governador Camilo Santana (PT) afirmou em entrevista coletiva realizada na manhã desta sexta-feira, 13, no Palácio da Abolição, que considera "inaceitável" a chacina ocorrida na Grande Messejana, na madrugada desta quinta-feira, 12.

Camilo disse ainda que já determinou uma investigação rigorosa sobre o caso e que medidas foram tomadas, após a circulação de um áudio nas redes sociais que alertava para o risco de novos ataques.

"Independente de quem seja o responsável, nós não vamos deixar isso impune. Ontem me reuni quase o dia todo com o setor da segurança pública. Fizemos uma super operação todo o período da noite e madrugada porque havia informações de que continuaria", afirmou o governador durante a reunião do Comitê Interinstitucional do Pacto por um Ceará Pacífico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.