sexta-feira, 3 de julho de 2015

Mortandade de peixe gera prejuízo de R$ 18 milhões no Castanhão, no CE


O prejuízo com a mortandade de peixes no Açude Castanhão, no Ceará, pode chegar a R$ 18 milhões. Os produtores do Jaguaribe dizem que perderam quase 100% de toda a produção de tilápia, principal renda das cidades da região.

Nos últimos cinco dias, foram retirados do açude cinco caminhões com peixes mortos. A estimativa é de que cerca de três mil toneladas de tilápia apodreceu e ficou inadequada para o consumo.

De acordo com a Companhia de Gestão de Recursos Hídricos (Cogerh), na maioria das vezes, a mortandade de peixes está associada com a baixa concentração de oxigênio dissolvido na coluna de água.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.