sexta-feira, 19 de junho de 2015

Todos comem da mesma farinha



Vendo a forma como o povo brasileiro se surpreende em cada prisão de empresários ricos, como vem acontecendo por conta da operação Lava-Jato, chega-se a conclusão de que esse povo é mesmo inocente, desligado ou otário, ao ponto de não saber que a movimentação da operação mostra nada mais do que uma realidade que acontece desde quando o rei Dom Manuel montou o esquema de roubalheira no Brasil em nome da Coroa portuguesa.

Caríssimos, o que hoje está sendo revelado da relação escandalosa entre a Petrobras e as empreiteiras (construtoras), não difere em nenhum item do que acontece em todos os recantos do país quando um prefeito ou um governador vai contratar obras e serviços.

A lei da troca do benefício pela propina é mais antiga que a luz do sol. Dai, não vejo porque prender empresários e não os contratantes, já que são estes os buscam vantagens, enquanto que os empresários buscam os recursos. Se é para prender, se é para ser sério, ser direito, trancafiem todos os prefeitos, governadores, presidentes de associações, sindicatos, institutos e muitas outras instituições que roubam, corrompem e são corrompidas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.