sexta-feira, 26 de junho de 2015

O líder e o chefão



"A história é abundante em exemplos e pródiga em ensinamentos. Se governar fosse centralizar o poder de forma absoluta, considerar-se o senhor de tudo, ser durão, autoritário, arrogante, autossuficiente, fazer-se temido e impor ordens pelo grito a democracia não teria encontrado esteio na humanidade e muitos empreendimentos não teriam prosperado.

Aí se encontram as grandes diferenças entre o legítimo líder e o mero “chefão”; um fosso imenso nem sempre enxergado na ventura mas, invariavelmente, revelado nos momentos de adversidade e enfrentamento de grandes desafios.


Comunicação, criatividade, incentivo, motivação, respeito, inspiração e liderança pelo exemplo são características comuns encontradas nos momentos de superação de crises e conflitos severos. Essas qualidades não plasmam o perfil do “chefão”, são inerentes ao verdadeiro líder".



Autoria do amigo Jose Carlos Martins em seu Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.