quarta-feira, 24 de junho de 2015

Juros cobrados pelos bancos de pessoa física sobem pelo quinto mês seguido e atingem 57,3%



É o maior patamar desde o início da série histórica, em 2011. No acumulado do ano, houve um aumento de 7,7% na taxa em que os bancos escolhem como desejam emprestar. Os dados foram divulgados pelo Banco Central.
A taxa de juros do cheque especial também cresceu e atingiu 232% em maio, a maior taxa em quase 20 anos. Os juros do cartão de crédito rotativo também subiram e alcançaram 360%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.