quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Perto demais do que se quer distante



Postagem do Face do amigo Guto Pontes


O Brasil vive sob um estado de tensão política em constante agravamento pelo aumento da pressão e conflitos entre pessoas ( físicas e agentes públicos) e as instituições do Estado ( especialmente o braço policial ).
O problema muito complicado é que se alguns são legítimos - como os servidores do RJ reivindicando seus direitos - outros são atentados ao estado de direito: ocupações de universidades federais e invasões no congresso nacional pedindo a volta da ditadura militar.
... O pior é que na pior hipótese, isso ( intervenção militar) pode estar mais próximo de acontecer do que nunca esteve dentro do período da redemocratização no Brasil.
------------
" Na civilização das democracias constitucionais e do estado de direito, as instituições e os bens públicos a todos pertencem, indistintamente. Portanto, não podem ser apropriados por grupos de pressão que tentam se apoderar das instituições com base em pautas que se arvoram à condição de representativas do conjunto da sociedade." ( editorial Jornal O Povo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.