segunda-feira, 28 de novembro de 2016

O tempo desconfigura os corpos, porém não mata a poesia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.