quinta-feira, 7 de abril de 2016

Após ser citado em investigação, Roberto Carlos se defende e diz que empresa foi declarada




"Para desenvolvimento e manutenção dessa íntegra e sólida carreira, das diversas atividades correlatas, e por questões estratégicas do negócio, o Sr. Roberto Carlos efetua investimentos em empresas no Brasil e no exterior, inclusive onde permanece de três a quatro meses por ano, aproximadamente, por força de suas turnês e compromissos com gravadoras, distribuidoras, empresas de mídia televisiva e impressa", informou a nota, segundo o jornal “O Globo”.

A Happy Song foi criada em 2011 e possuía três parceiros profissionais do cantor como diretores: Reynaldo Ramalho, José Carlos Romeu e Marco Antonio Castro de Moura Coelho.



"Para desenvolvimento e manutenção dessa íntegra e sólida carreira, das diversas atividades correlatas, e por questões estratégicas do negócio, o Sr. Roberto Carlos efetua investimentos em empresas no Brasil e no exterior, inclusive onde permanece de três a quatro meses por ano, aproximadamente, por força de suas turnês e compromissos com gravadoras, distribuidoras, empresas de mídia televisiva e impressa", informou a nota, segundo o jornal “O Globo”.

A Happy Song foi criada em 2011 e possuía três parceiros profissionais do cantor como diretores: Reynaldo Ramalho, José Carlos Romeu e Marco Antonio Castro de Moura Coelho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.