sexta-feira, 18 de julho de 2014

Estudo aponta dez profissões ameaçadas de extinção



Um site americano especializado em carreiras fez uma lista das profissões ameaçadas de extinção. São atividades com previsão de queda na contratação nos próximos oito anos. O site se baseou em estatísticas trabalhistas dos Estados Unidos.
Confira as dez profissões mais ameaçadas:
1º. Carteiro
2º. Trabalhadores rurais
3º. Técnico em leitura de medidores de energia
4º. Repórteres de jornais
. Agentes de viagens
6º. Lenhadores
7º. Aeromoça
8º. Trabalhadores do setor produtivo industrial
9º. Trabalhadores da indústria gráfica
10º. Agente de cobrança
Segundo a pesquisa, a contratação dos carteiros pode ter 30% de queda. Os trabalhadores do agronegócio, do setor produtivo industrial, da indústria gráfica e os lenhadores serão prejudicados por causa da automação nesses setores. A evolução tecnológica também afetará a contração dos técnicos especializados na leitura de relógios de água e energia. A aposta é que, em breve, as empresas conseguirão medir esses dados a distância.
Em quarto lugar, estão os repórteres de jornais, que sofrem com a queda nos anúncios e nas assinaturas dos jornais impressos. Agentes de viagens estão ameaçados, porque as pessoas estão cada vez mais organizando viagens de forma autônoma. Já as aeromoças poderão sofrer dificuldades por causa da fusão de empresas, o que causaria uma redução no número de voos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça o seu comentário.